Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


PMA

por SS, em 13.03.13

Positive Mental Attitude!

 

Tenho uma visão algo negra do ser humano. Da sociedade. De toda a Humanidade!

Não acredito nas pessoas. Não gosto daquilo em que o ser humano se tornou. Maldoso, egoísta, ganancioso.

Tornei-me, com os anos, bastante anti-social. Dou-me e falo com quem conheço. Quem não conheço, simplesmente, prefiro não conhecer sequer.

Não sou Homem de grandes conversas. Gosto de estar no meu canto, sozinho e sossegado. Ou, pelo menos, bem acompanhado. Não acompanhado por interesses, vícios, ganância ou ocasião. Acompanhado pela amizade, pela família (e já se diz bem, e em inglês, "you don't have to be blood to be family"). Prezo a honestidade e a humildade. Prezo a amizade, mas a verdadeira. De falsos amigos e "facadas" nas costas cansei-me cedo.

Talvez, por toda a minha vivência, tornei-me uma pessoa negativa. E isso não ajuda em nada a sair do buraco onde a vida me fez cair.

 

Precisava de ter uma atitude mais positiva. Eu e grande parte das pessoas.

Sem essa atitude positiva, não acredito que saia alguma vez deste buraco. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:39

Espero!

por SS, em 25.02.13

Amanhã é um dia diferente.

Tenho um exame à tarde.

É daqueles dias que pode vir a ser especial.

Mas, também, daqueles que pode ser para esquecer.

Espero que se torne especial.

 

Controlar os nervos. Inspirar. Expirar.

Um copinho de Porto e uma ganza. Relaxar.

Pensar positivo. Manter a calma.

E tudo correrá bem...

 

Espero!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:26

Foda-se..

por SS, em 25.02.13

Pois. É mesmo isso.

Simples e directo.

 

FODA-SE!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:25

Pegar a Vida pelos Cornos

por SS, em 20.02.13

Gostava de ser daqueles gajos cheios de atitude, que pegam a vida pelos cornos.

 

Não sou. Sou um gajo fraco, cansado, sem perspectivas de futuro e também sem grandes objectivos.

Produto, talvez, de alguns anos de desemprego e trabalho precário.

 

Sou o esterótipo do comum "vadio".

Gosto de passar os dias no café a beber minis e a fumar ganzas.

Gosto de sair à noite, até de manhã, e encher-me de álcool, ganzas e coca.

Sou o gajo que entra num café e as pessoas olham de lado e comentam.

Sou o gajo que vai a uma entrevista e é quase automaticamente excluído. Tatuagens e piercings assustam os empregadores.

Julga-se o aspecto da pessoa e não as suas capacidades ou o seu currículo.

 

Sem álcool e sem droga, a vida assusta-me. Assusta-me cada vez mais.

Estamos a atravessar um período de pura desumanização do ser humano. 

Período em que um pedaço de papel e o seu valor sobrepõem o valor da vida.

Ao fim de umas minis ou um jarro de vinho tinto, ao fim de umas ganzas, a vida deixa de me preocupar. 

Todas as preocupações que me fazem crescer os cabelos brancos desaparecem. Ficam ocultas na minha mente, mas sempre prontas a chegar-se à frente à mínima oportunidade.

 

Poucos sonhos tenho e não tenho  objectivos de futuro.

Tudo o que quero é a felicidade dos meus. Não a minha. Só a deles.

 

E faltam-me forças, falta-me atitude para pegar a vida pelos cornos.

Falta-me coragem! 

E falta-me, acima de tudo, dinheiro.

Dinheiro para tornar realidade os poucos sonhos que se mantêm na minha cabeça desde criança.

Sonhos que a vida, o álcool e a droga se encarregam de destruir.

Sonhos que não passam disso mesmo. Sonhos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:50

Por vezes

por SS, em 26.01.13

Gostava de ter uma atitude mais positiva. Mais alegre. Mais optimista.

Não consigo. 

 

Mas não perdi a esperança!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 01:12

Bolas...

por SS, em 25.01.13

É desesperante não ter dinheiro!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:52

Cinzento

por SS, em 24.01.13

Não só no céu. Também na minha vida.

Desmotivado. No fundo do poço. Com medo do amanhã. E sem força para o enfrentar.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:53




Pesquisar

Pesquisar no Blog